Afinal, os millennials compram online ou não?

Também conhecidos por geração Y, os millennials representam uma grande faixa demográfica da população mundial que diz respeito a todos os indivíduos que nasceram entre os anos 1980 e o início dos anos 2000 – eles são os filhos da geração X e netos dos baby boomers. O que faz deles uma geração cheia de oportunidades para o e-commerce e para os negócios.

 
E não é só o facto de estes serem, num futuro próximo, a geração com maior poder de compra, mas também o facto dos millennials serem a primeira geração de nativos digitais.
Os millennials usam a tecnologia para todos os tipos de comunicação: desde a vida profissional, relações pessoais até ao consumo, claro. De facto, eles confiam na Internet para tomar importantes decisões em quase todas as facetas das suas vidas. Isto acontece porque atualmente a tecnologia disponível permite que estejam sempre conectados.

 
Estes são alguns números que nos dão pistas importantes sobre esta geração:

 
– 67% prefere comprar online;
– 81% faz compras online pelo menos uma vez por mês;
– 45% admitiu que prefere comprar online porque podem fazer comparações de produtos e preços;
– 8 em cada 10 nunca compra nada sem antes ler uma review;
– 40% fez pesquisa por voz antes de fazer uma compra online;
– 53% prefere ir ver detalhes do produto online em vez de falar com funcionários, mesmo estando numa loja;
– 61% acha mais fácil falar com um retalhista através de canais de comunicação digitais (mensagens, chat online ou aplicações de mensagens) do que visitar uma loja física.

 
Os millennials são animais sociais, compram a toda a hora, mas são muito mais cuidadosos no que diz respeito a gastar dinheiro do que os baby boomers e os seus precedentes.

 
Esta geração usa a tecnologia para melhorar todos os aspetos da sua vida, usando todos os recursos que tem disponíveis antes de efetuarem a compra. Passam muito tempo a pesquisar sobre os produtos nos quais estão interessados, lêem reviews, procuram feedback dos produtos e os melhores preços. Tendem a maximizar os seus recursos e são desconfiados por natureza. De acordo com este artigo do Businessweek, a maioria dos millennials (75%) pesquisam online de modo a obter mais informação sobre os produtos. Eles preferem as lojas físicas nas quais podem comprar online e posteriormente ir levantar o produto. As lojas e marcas com aplicações que permitem os consumidores comparar preços online antes de fazerem as compras nas lojas também são bastantes populares entre esta geração.

 
O objetivo das lojas tem sido fazer pequenas alterações desde a chegada do e-commerce – as lojas estão lentamente a transformar-se em showrooms para os consumidores  experimentarem os produtos antes de os comprarem online, com muitas lojas a tornarem-se centros de experiências em vez de serem apenas locais onde se compra um bem.

 
De acordo com um novo estudo da Euclid, cerca de metade (48%) dos millennials visita ou faz compras em loja pelo menos uma vez por semana comparativamente com 41% da Geração X e 43% dos boomers. Curiosamente, essas visitas às lojas feitas pelos millennials não se traduzem necessariamente em vendas. Em vez disso, elas estimulam as compras online. Depois de uma visita à loja, 56% dos millennials compram online e 21% “quase sempre” compra online depois de ver um artigo em loja enquanto que as gerações mais velhas apenas 10%.

 
Quase três quartos dos consumidores disse que os retalhistas têm que acompanhar as mudanças do ambiente tecnológico se esperam melhorar a experiência do consumidor e manter os clientes leais. Mas posto isto, como é que se apela aos millennials?

 
Aqui estão algumas das tendências de compra dos millennials que deve ter em conta para que o seu negócio se mantenha relevante para esta geração.

 

  1. Mobile em primeiro lugar

Não é segredo nenhum que os millennials estão sempre com os seus telemóveis. Um estudo descobriu que 1 em cada 5 inquiridos confia exclusivamente nos seus smartphones e tablets para navegar online, o que significa que um site otimizado para mobile já não se trata de algo acessório, mas sim de algo indispensável se quer manter a relevância do seu negócio.

Mobile em primeiro lugar não significa apenas estar presente online, mas sim que a sua loja offline também deve ser otimizada com o mobile em mente e isso passa por exemplo por permitir pagamentos contactless através de um telemóvel ou através de outras soluções de pagamento móvel. Um estudo recente da Accenture conclui que 23% dos millennials usam pagamentos contactless pelo menos uma vez por semana.

 

  1. Invista numa estratégia de social media

As redes sociais são o principal meio através do qual os millennials descobrem novos produtos. 55% dos millennials inquiridos numa pesquisa recente citaram as redes sociais como uma fonte primária para fazer compras, descobrir novidades e obter informação. O estudo também descobriu que os tradicionais meios de publicidade como a televisão e os print media, ficam atrás dos meios de publicidade digital quando se fala da sua eficiência entre a geração dos millennials. Por isso, as redes sociais são um pilar crucial na sua estratégia de marketing.

Mas manter as redes sociais atualizadas, relevantes e interessantes pode não ser suficiente para se destacar. Estudos demonstraram que os millennials confiam nas opiniões de estranhos enquanto “especialistas” sobre marcas (mais até que na opinião dos amigos) quando se trata de tomar decisões de compra. Para esse fim, os negócios devem considerar fazer parcerias nas redes sociais com influencers ou especialistas nos segmentos em que atuam.

 

  1. Proporcione uma experiência de compra perfeita

 

Os millennials são consumidores online experientes, mas isso não significa que eles não comprem nas lojas tradicionais. Torna-se por isso importante que a sua marca lhes proporcione a experiência perfeita entre o online e o offline.

Nove em cada dez clientes sabe aquilo que vai comprar mesmo antes de chegarem à loja, o que significa que eles esperam encontrar os mesmos produtos (incluindo descontos) tanto no online como na loja física. A marca deve garantir que a experiência de compra através de todos os pontos de contacto é consistente!

 

  1. Produtos a preços competitivos

Este consumidor tem também muita consciência no que diz respeito ao preço dos produtos. 41% dos inquiridos no estudo da Accenture diz que pesquisa atualmente mais, pelos mesmos produtos, em diferentes lojas, em busca do menor preço antes de decidir em qual comprar. Esta mudança no comportamento poderá dever-se ao aumento substancial do uso dos smartphones, o que permite que os consumidores comprem um artigo facilmente, mesmo quando estão na loja física.

Para as marcas se destacarem da concorrência precisam de oferecer um preço competitivo ou oferecer mais valor do que aquilo que os consumidores podem encontrar num retalhista online como a Amazon.

Outra estratégia é oferecer um desconto para os clientes que forem levantar os produtos à loja, deste modo, poupam nos portes de envio que podem estar associados ao envio através de outros retalhistas.

 

  1. Ofereça um programa de fidelização

 

Os programas de fidelização ou de recompensas também são algo importante para a geração Y. Nos dados disponibilizados pela Bond Brand Loyalty, 68% das pessoas com idades compreendidas entre os 20 e 34 anos disseram que mudariam os sítios onde fazem compras se tal significasse receber mais recompensas. E 1/3 alega comprar algo que não queria necessariamente só para receber recompensas. Os programas de fidelização que oferecem portes de envio grátis podem ser particularmente eficazes. Dos millennials inquiridos no recente estudo feito pela LoyaltyOne, a maioria disse que  valorizava os portes de envio grátis como um benefício do programadas de fidelização.

 

Agora que já tem toda a informação, pode começar a desenhar a sua estratégia de e-commerce focada nos millennials! É um desafio que as empresas de todos os tamanhos enfrentam e por uma boa razão: os millennials têm um poder de compra cada vez maior e são também um público mais exigente que a geração anterior, em particular no plano digital.

Lembre-se que os millennials são um target decisivo e incontornável para o sucesso da sua operação de comércio eletrónico.

 



Se necessita de mais informação, contacte um especialista da DHL para obter ajuda personalizada.