10 locais onde pode encontrar a ideia perfeita para e-commerce

 

1. Na sua cozinha. No seu armário. Em qualquer lugar perto de si.

 

As grandes ideias não querem saber de quando acontecem ou a quem acontecem. As sementes podem estar em qualquer lugar. O truque é fazer uma conexão entre algo da sua vida (ou da sua família) que poderia melhorar, e o seu potencial como uma oportunidade de comércio eletrónico.

 

2. Publicações sobre tendências. Sim, são importantes.

 

As publicações mais recentes sobre tendências mostram-lhe os novos produtos que chegam ao mercado e dá-lhe uma ideia das novas tendências e do que os consumidores estão interessados. Também pode despertar ideias diretamente relacionadas com as presenças dos grandes negócios – por exemplo, o crescimento dos smartphones levou diretamente à invenção do selfie stick utilizado para as selfies. Para melhor ou para pior.

 

Como principais publicações sobre tendências, destacamos a Trend Watching, PSFK e TrendHunter.

 

3. Redes Sociais

 

Sim, o Facebook, Instagram, Twitter e restantes provavelmente não revelarão uma nova ideia de produto para si no primeiro dia. Mas pode usar as redes sociais como uma ferramenta de pesquisa caso já tenha uma categoria de produtos que deseje explorar. Uma visita regular à seção popular do Pinterest também pode valer a pena.

 

4. Marketplaces B2B

 

Trata-se de conectar distribuidores e retalhistas para que cada um possa beneficiar da compra e venda online. Navegar nos sites pode ser um pouco assustador ao início, pois revelam a enorme magnitude e variedade do comércio online global. No entanto, podem tornar a venda do seu produto muito mais fácil assim que avançar com a ideia.

 

 

5. O seu bloco de notas

 

Este é o bloco de notas que vai comprar hoje, no qual anotará todas as suas ideias de comércio eletrónico. O autor e empresário norte-americano James Altucher defende que deve anotar dez ideias novas todas as manhãs para começar a desenvolver a sua capacidade de gerar ideias.

 

Os detalhes mais subtis e a prática de cada ideia podem vir depois; o que procura é a confiança que pode criar na procura. E se não conseguir gerar dez ideias? “Concentre-se em gerar 20”, diz James.

 

6. Influenciadores

 

Em primeiro lugar é necessário conhecer o nicho de mercado em que está interessado. Se já o tiver feito, tem à sua disposição várias ferramentas para descobrir os influenciadores no seu setor e receber um fluxo constante de conteúdo cuidadosamente selecionado de especialistas nesse nicho. Aqui ficam algumas ferramentas para o ajudar a descobrir influenciadores de um determinado setor ou nicho de mercado:

 

 

7. Mercados de consumo online

 

É outra perspetiva potencialmente assustadora. No entanto, cada um dos grandes sites de e-commerce tem páginas que mostram o que é popular e a tendência para lhe poupar uma pesquisa intensiva entre milhões de produtos.

 

Experimente o eBay Market Research, o Amazon Best Sellers e o Amazon Movers & Shakers, o Kickstarter Discover e o Etsy Trending Now.

 

8. As suas férias

 

Viajar pelo mundo é uma ótima maneira de descobrir coisas comuns que podem ser desconhecidas na sua própria vizinhança. Veja o que é popular nas ruas e nas lojas e faça questão de visitar os mercados de artesanato locais.

 

9. Fóruns online

 

Aqui pode encontrar inspiração em pessoas que falam sobre produtos novos e/ou populares. O maior deles é o Reddit, a autoproclamada “a homepage da internet”. Tem sub-seções chamadas “subreddits” que consideram quase todos os interesses que possa imaginar. Um subreddit exibe produtos inteligentes e úteis que as pessoas estão muito interessadas em comprar: conheça o Shut Up And Take My Money.

 

O Quora é onde as pessoas vão para fazer perguntas e obter respostas. Pode acompanhar os feeds como novos produtos e serviços ou descobrir perguntas e respostas que possam inspirar as suas próprias ideias de negócios de comércio eletrónico. Aqui estão alguns exemplos:

 

 

10. Revistas de Lifestyle

 

Se o seu interesse é em bricolage ou mecânica prática, por exemplo, inscreva-se nas revistas on-line e off-line do setor. Aqui, as suas ideias e oportunidades podem surgir não apenas dos artigos principais, mas também das respostas dos leitores a esses artigos. Portanto, estude as páginas de comentários, partilhas e cartas para ver o que está a encantar ou a incomodar os consumidores e veja com atenção os anúncios classificados e online. Existirá uma maneira de melhorar algo que já está a ser oferecido?

 



Se necessita de mais informação, contacte um especialista da DHL para obter ajuda personalizada.